fbpx
+55 21 ‭2239-6528 contato@thundermustard.com

Lançada em 2020 e ganhando cena em 2021, a rede social Clubhouse explodiu nas  últimas semanas da internet. Com toda a boa recepção dos usuários e exclusividade daqueles que utilizam o sistema IOS (e apenas aqueles que receberam um convite para participar da rede), ela vem ganhando cada vez mais fama e adeptos, além de gerar muita curiosidade nas pessoas. Mas afinal, será que essa rede social pode ser vantajosa para as marcas? Ou talvez a sua grande dúvida já seja: como as marcas podem usar o Clubhouse?

Mesmo sendo desenvolvida com o foco em pessoas, esse aplicativo pode ser um grande aliado das marcas, sendo mais um espaço que permite com que você conte a sua história e a do seu negócio, dentre outras diversas possibilidades que podem beneficiar a sua empresa. Neste artigo, você irá descobrir como isso é possível. Continue acompanhando a leitura e saiba tudo sobre como as marcas podem usar o Clubhouse!

O que é Clubhouse?

Antes de entendermos como essa nova tendência pode ser vantajosa para marcas, é importante saber o que ela é, para que foi criada e como ela funciona. 

O Clubhouse é a nova rede social do momento e tem ganhado popularidade nas últimas semanas. Foi lançado em abril de 2020 e se mostrou bastante popular no ano de 2021. Em dezembro do ano passado, o aplicativo já somava cerca de 600 mil usuários. Em fevereiro, ele viralizou. Houve mais de 2 milhões de downloads somente na primeira semana do mês, conforme relatado pela empresa de análise Sensor Tower.

O aplicativo é gratuito e está disponível apenas para aqueles que utilizam o IOS. Ele conseguiu chamar atenção de personalidades importantes. Uma delas é o Mark Zuckerberg, o CEO do Facebook. Para se cadastrar na nova rede social, é preciso receber um convite (limitados para cada usuário), fator que a torna mais exclusiva. 

O aplicativo consiste em diversas salas de bate-papo, onde os integrantes só podem conversar por mensagens de áudio. Ou seja, não há recursos para mensagens de texto, compartilhamento de imagens e outros formatos de documentos. Ele foi criado para que as pessoas conversem e realizem discussões em salas com tópicos já predeterminados ou com algum assunto criado na hora. É como se fosse um fórum, onde cada sala tem uma conversa em tempo real com um tema específico.

Como funciona o novo aplicativo?

Agora que você já entendeu o que é o Clubhouse, vamos falar um pouco sobre como ele funciona na prática. Basicamente, os usuários seguem clubes que irão discutir assuntos que os interessem ou buscam salas com temas gerais. Os assuntos são diversos: tecnologia, esporte, religião, entretenimento, política, dentre outros. Portanto, basta seguir as salas de áudio que você mais se identifica.

Assim que você entra em um grupo, o seu microfone irá ficar aberto, igual ocorre nas ligações tradicionais. Dessa forma, todos podem falar como se fosse uma conversa normal. Contudo, se o criador do chat quiser decidir quem vai falar e quem vai escutar, ele pode fazer isso, permitindo que apenas algumas pessoas falem e a outra parcela do grupo fique apenas escutando.

Outro diferencial do Clubhouse é que as conversas não ficam armazenadas. Todo o conteúdo só poderá ser usufruído na hora em que o chat está aberto e enquanto você estiver ativo no aplicativo. 

Clubhouse para as empresas: como as marcas podem usar o Clubhouse?

A nova rede social traz muitos pontos positivos para o marketing. Por isso, se você é um empreendedor de uma marca inovadora, a plataforma pode ser uma grande estratégia. Confira agora como as marcas podem usar o Clubhouse e se beneficiar desta ferramenta:

1. Network

Não há dúvidas de que o aplicativo é um excelente meio para que as empresas se conectem com líderes empresariais e outros empreendedores do seu nicho. Isso se torna um enorme atrativo, principalmente quando se trata de salas com outras grandes inspirações da sua área.

Para isso, basta selecionar os temas específicos para acessar as salas de maior interesse que possuam alguma relação com a sua marca. Assim, você poderá entrar em chats com personalidades da sua indústria. A partir disso, é possível interagir, causar boas impressões e criar novas conexões de negócios. 

Aproveite esse início do aplicativo em que o alcance está alto, mas com diluição baixa por ser uma nova plataforma. Lembre-se: marque presença no digital! Isso é uma ferramenta estratégica para expandir a sua marca e fazê-la conhecida.

2. Novos insights

Um benefício que um bom network pode gerar são as oportunidades de colher insights criativos e estratégias de outros empreendedores. Essa “troca de ideias” pode ser muito vantajosa, inclusive para dar norte em sua estratégia de marketing de conteúdo. Por isso, procure entrar sempre nas salas em que você possa conseguir extrair o máximo de informações valiosas e dicas para o seu negócio, mesmo que de forma natural no decorrer de uma conversa. Busque ouvir empreendedores ou representantes de marcas que você se inspira e acredite que possa absorver bons conhecimentos. 

Mas lembre-se que muitas vezes você precisa estar preparado para ouvir conselhos e críticas. Afinal, as conversas acontecem em tempo real e promovem discussões importantes.

3. Construção de autoridade

No primeiro tópico dessa lista abordamos a possibilidade de criar conexões no Clubhouse com autoridades do seu nicho. No entanto, a plataforma também oferece espaço para que você mesmo se apresente como autoridade na sua área. Você pode se posicionar como um líder inovador e especialista naquilo que você oferece. Com isso, você pode começar a ter uma fanbase, em que é muito provável que aumente com o tempo, principalmente quando mais pessoas passarem a utilizar a rede.

4. Humanização da marca

Por se tratar de uma rede social que permite apenas o formato de mensagens de voz, todas as interações se tornam mais pessoais, sem contar a espontaneidade, já que tudo ocorre “ao vivo” e não pode ser acessado depois. Portanto, é um excelente meio de conseguir humanizar a sua marca para o seu público. Pode ser algo diferente do que você já tentou até hoje, mas lembre-se que um líder inovador deve sempre buscar acompanhar as novas tendências e tentar extrair o melhor delas para o seu negócio.

Talvez você não consiga imaginar o poder disso, mas a voz é capaz de tornar as conexões mais humanas devido à entonação correta, emoção transmitida, dentre outras possibilidades que tornam seu atendimento e contato mais empático com o público.

Além disso, outras estratégias de humanização podem ser utilizadas, como se aproximar do seu público com conversas que não sejam voltadas apenas para as questões do seu negócio, como por exemplo usar temas que gerem algum benefício social. 

5. Ferramenta de entretenimento e atendimento ao público

As marcas também podem utilizar as salas do Clubhouse para atender o seu público, utilizando a humanização já citada nos tópicos anteriores. Por exemplo, você pode promover conversas que tenham como intuito responder as dúvidas do seu público em tempo real. Isso pode ser uma estratégia que irá trazer pontos positivos para o seu atendimento e cuidado com o público. 

Já quanto ao entretenimento, você pode promover conversas, aulas, dentre outras opções que se encaixem na plataforma e que tenham alguma relação com o seu negócio. Se a sua empresa tem foco em sustentabilidade, por que não promover uma conversa com os executivos do negócio sobre esse assunto? Se um dos pontos fortes da sua empresa for a diversidade, isso também pode se tornar um tema por lá.

A grande vantagem do Clubhouse é o seu baixo custo de utilização, além de ser uma plataforma espontânea que permite diversos caminhos para gerar proximidade com clientes e consumidores.

Se você deseja fazer com que seu público adquira conhecimentos em relação à sua marca ou o que ela promove, aprenda e se aproxime, essa ferramenta pode ser uma grande estratégia. Afinal, diversão, aprendizado, conexões e compartilhamento de experiências é tudo o que tem sido explorado pelos novos modelos de comunicação das marcas.

Como conseguir um convite para o Clubhouse?

Agora que você já sabe todas as vantagens da rede social do momento, sua dúvida talvez seja como conseguir um convite para o Clubhouse, já que esse é o único meio de conseguir o acesso. Antes de tudo, é preciso utilizar o sistema IOS (Iphones). Além disso, o usuário deve esperar um convite ou se registrar em uma fila de espera da Apple. Após isso, é preciso aguardar ser convidado por um dos membros que já utilizam a rede social e que também esteja em sua lista de contatos. É importante lembrar que cada membro tem direito a apenas dois convites.

Apesar de não ter um perfil específico para páginas de empresas e negócios, vale a pena testar a nova ferramenta, principalmente para estimular discussões importantes de impacto para os seus negócios, que podem ser vantajosas para o seu marketing.

Gostou deste artigo? Para continuar a leitura e conferir mais artigos como este, você pode acessar o blog da Thunder Mustard. Até a próxima!